AHA 2019 — Icosapento etílico abrandou a progressão da placa coronária, mas falhou o parâmetro de avaliação primário

Efeito desconhecido nos futuros resultados cardiovasculares.